Língua branca pode causar mau hálito e indicar presença de doenças

Eliana Avelãs

Escrito por
Eliana Avelãs

Odontologia – CRO 32254/SP

Por Especialistas – Em 20/3/2015

compartilhar

salvar

compartilhar

Observar a própria língua é uma maneira simples de avaliar a saúde geral. Essa prática é usada há mais de 5.000 anos pela medicina chinesa. Segundo a antiga sabedoria, a língua conteria prolongamentos dos meridianos do corpo, permitindo que a energia dos órgãos vitais ficasse visível nela.

A língua saudável é rosada e recoberta por uma secreção fina e úmida. Alterações na cor e na forma podem indicar falta de algumas vitaminas. Uma língua esbranquiçada pode indicar deficiência de ferro ou biotina. Já uma língua avermelhada e inchada pode significar falta de vitaminas E, B2 e B3. Carência de vitamina B12 e ácido fólico podem gerar uma sensação de ardor.

Língua saudável   foto: Getty Images
Língua saudável – foto: Getty Images

Quando existe uma redução do fluxo salivar, aumento da viscosidade da saliva ou da descamação da língua, há um aumento da “saburra lingual”.

A saburra lingual é uma secreção esbranquiçada ou amarelada que se adere ao dorso da língua e é composta de restos de alimentos, células da mucosa bucal e bactérias. As bactérias se alimentam destes restos de alimentos e das células descamadas e provocam uma fermentação que libera o VSC (Componente Volátil de Enxofre). O VSC tem cheiro de ovo podre e é responsável por grande parte do de mau hálito.

De acordo com Ana Kolbe, cirurgiã dentista e presidente da Associação Baiana de Estudos e Pesquisas dos Odores da Boca, normalmente todos nós temos uma fina camada de saburra, que em pequena quantidade libera muito pouco VSC. Quando a saburra está em níveis normais, o enxofre produzido não é suficiente para ser perceptível no nariz humano e comprometer o hálito.

Porém, basta que se tenha uma febre ou qualquer alteração orgânica para que a quantidade de saburra aumente o suficiente para causar mau hálito. Geralmente quando uma criança tem febre, tem mau hálito por esse motivo.

saburra lingual   Foto: Getty Images
saburra lingual – Foto: Getty Images

Fatores emocionais, estresse, ansiedade, traumas e o uso de medicamentos, como antidepressivos, podem aumentar a saburra. Outras doenças podem deixar a língua branca, por exemplo:

  • Lesões brancas
  • Hiperqueratose focal irritativa
  • Líquen plano
  • Leucoplasia pilosa
  • Candidíase (Moniliase) oral.

Essas lesões não saem com o limpador de língua precisam de tratamento. Não deixe de consultar o médico ou dentista para ter o diagnóstico e tratamento correto.

Saiba mais:

Dispensar fio dental aumenta risco de inflamações na gengiva e cáries

Como manter a higiene da língua?

A saburra pode e deve ser eliminada através de um dispositivo chamado “limpador de língua”. O limpador é muito mais eficiente do que a escova e deve ser usado diariamente na higiene bucal.

Algumas pessoas não usam o limpador com medo de sentir ânsia. O dentista pode orientar como usar o limpador de língua. Se usado corretamente, o limpador de língua não causa desconforto – pelo contrario, deixa uma sensação de boca limpa muito agradável.

SAIBA MAIS

Mau hálito decorrente de problemas estomacais

Mau hálito: 9 hábitos que ajudam a ACABAR com esse problema

Veja Abaixo mais Postagens sobre Saúde Vida e Bem Estar que Separamos para Você!

You may also like...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

vinte − cinco =

Scroll Up