Bebê nasce quatro meses após morte cerebral da mãe

Escrito por Giovanna Borielo

Redação Minha Vida

Em 25/7/2016

compartilhar

salvar

compartilhar

O pai, Miguel, e Lourenço, recém nascido / Foto: Reprodução
O pai, Miguel, e Lourenço, recém-nascido / Foto: Reprodução

Quem vê o bebê Lourenço hoje nem imagina o que ele já passou. O pequeno é filho de Sandra, que vivia na periferia de Lisboa, em Portugal. Ela teve câncer no rim e quase morreu após o nascimento de seu primeiro filho, com 12 anos atualmente. Quando soube que esperava o seu segundo bebê, a portuguesa não economizou nos cuidados para se certificar de que tudo corria bem com sua gravidez.

Um dia após realizar todos os exames, Sandra passou mal e foi levada ao Hospital Vila Franca de Xira, mas durante o caminho ela teve duas paradas cardíacas. No dia 20 de fevereiro, a grávida foi internada e sua situação era gravíssima: ela teve um aneurisma hemorrágico.

Saiba mais:

Após morte cerebral, grávida é mantida viva em hospital para dar à luz

Então, ela foi levada a um hospital especializado e, às 23h43 do mesmo dia, foi constatada a morte cerebral de Sandra. Mas, para surpresa dos médicos, o bebê de 17 semanas estava bem. Apesar de não saberem quais seriam as complicações futuras, o hospital tomou para si a responsabilidade de tentar fazer o bebê chegar ao fim da gestação, preservando o corpo da mãe ao máximo, já que Lourenço precisaria ficar ali por pelo menos mais 7 semanas.

O pai do garoto, Miguel, decidiu acrescentar mais um nome ao filho: Lourenço Salvador, alegando que o bebê se salvou e ajudou o pai a renascer.

SAIBA MAIS

Tudo sobre Bebê prematuro

Dicas para conseguir uma amamentação mais tranquila

Veja Abaixo mais Postagens sobre Saúde Vida e Bem Estar que Separamos para Você!

You may also like...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

13 − 8 =

Scroll Up